PSC tenta dominar Funai com novo presidente

Após a nomeação do militar Franklimberg Ribeiro de Freitas, ligado ao PSC, o presidente golpista Michel Temer (PMDB-SP), anunciou a nomeação de Antônio Fernandes Toninho Costa, ex-servidor da Secretaria Especial de Saúde Indígena – SESAI, aposentado em 2012, que ingressou como assessor da Bancada do PSC na Câmara dos Deputados em 2013.

Toninho Costa também é Pastor na Igreja Batista no Distrito Federal e possui ligações com a Bancada Evangélica e Ruralista em Brasília.

Este indicação do PSC e apoiada por Temer é um ataque contra os Direitos Indígenas e à Fundação Nacional do Índio que tenta há anos melhorar sua ação pelo Brasil. Organizações Indígenas e Indigenistas já estão publicando seus posicionamentos em redes sociais.

Ler Artigo →

Governo golpista infiltra militar na Funai

Franklimberg Ribeiro Farias é do Comando Militar da Amazônia e ligado ao Partido Social Cristão (PSC), cujo presidente é o Pastor Everaldo Pereira. Aos que ficam em dúvidas sobre a indicação, Frankilmberg é do mesmo partido de Bolsonaro e Pastor Feliciano, da Bancada da Bala e Evangélica, e tem vários deputados da Bancada Ruralista.

Documentos de organizações indígenas e indigenistas devem seguir aos montes para a Casa Civil exigindo a exoneração de Franklimberg.

Ler Artigo →

CPI Funai: Ruralistas tentam retornar Comissão

Foi protocolado nesta 4a feira, 24 de agosto, novo pedido de criação da CPI da Funai e Incra, após encerramento do prazo sem qualquer relatório apresentado pelos ruralistas.
Desesperados, os anti-indígenas querem retomar aquilo que se tornou a maior fraude dos ruralistas, uma CPI sem objeto de investigação.
Os indígenas e indigenistas já estão organizados para pressionar junto à presidência da Câmara dos Deputados para não encaminhamento do requerimento.

Ler Artigo →

MJ suspende Portaria da Terra Indígena Boa Vista, PR

Alexandre de Moraes (PSDB-SP), ministro da Justiça do governo interino de Michel Temer (PMDB-SP), publicou a Portaria 691/16 anulando a Portaria Declaratória da Terra Indígena Boa Vista, em Laranjeiras, Paraná, do povo Kaingang.
Este é o cumprimento da promessa dos golpistas aos seus comparsas ruralistas. Os Kaingang estão se organizando para cobrar do ministro a responsabilidade pela suspensão.
Veja a publicação do dia 6/07/2016 no Diário Oficial da União (…)

Ler Artigo →