Deputado Ruralista nega que indígenas tenham cidadania e os chama de miseráveis

valdircolatto

O deputado federal Valdir Colatto (PMDB-SC) informou que vai convidar a bancada ambientalista e os indígenas para participarem das discussões da PEC 215/00, chamada de PEC das Terras Indígenas.

“Queremos trazer essa discussão para o Congresso e dar cidadania aos indígenas, que querem sair da miséria”, disse Colatto, que é um dos coordenadores da Frente Parlamentar da Agropecuária.

Colatto respondeu ao ato desta quarta-feira (25/02/15) contra a PEC 215, promovido pela Frente Parlamentar Ambientalista, e que recebeu diversas lideranças indígenas.

“Se o índio for preservar, como é na Amazônia, que é o índio diferenciado, que não é integrado, tudo bem. Mas o índio do Sul, do Centro-Oeste, é um cidadão igual aos outros, que quer produzir, plantar, quer ter um filho na escola, na universidade, e quer ser um cidadão, trabalhando como trabalham muitos indígenas de Santa Catarina”, ressaltou Colatto mostrando como não conhece a Política Indigenista nem os Direitos Indígenas, contra o qual deseja lutar.

Fonte: Agência Câmara
Anúncios

Uma resposta para “Deputado Ruralista nega que indígenas tenham cidadania e os chama de miseráveis

  1. Se, os indígenas do centro sul do Brasil são miseráveis é porque o homem branco, deslocou, usurpou, indadiu suas terras tradicionais imemoravéis e o estado brasileiro não quer reconhecer os direitos natos, passados 500 anos de invasão, uma dívida impagável aos povos indígenas.

    Curtir

Queremos sua opinião.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s